Home Dermatologia Células tronco contra o envelhecimento?

Células tronco contra o envelhecimento?

E-mail Imprimir PDF

A dermatologista Daniela Graff afirma que ainda não é possível comprovar a eficácia do tratamento para rejuvenescimento facial.

A ciência mostra a cada dia o potencial das células-tronco com descobertas que são esperança contra doenças físicas e até neurológicas. Agora o seu poder também passa a ser utilizado em benefício da estética e da saúde da pele.

Foi lançado recentemente um tratamento facial que afirma estimular células-tronco adultas, fazendo-as produzir novas células que revitalizam a pele. No entanto, especialistas e médicos não entram em um consenso sobre a real eficácia desse procedimento.

As células-tronco são células indiferenciadas, capazes de formar vários tipos de tecidos. Especialistas acreditam que, no futuro, elas poderão ser importantes no tratamento de várias doenças e lesões.

Centenas de pesquisas estão sendo feitas no mundo – a maioria com modelos animais, mas algumas já com seres humanos. Muitas trazem resultados positivos, mas que ainda requerem mais estudos para se estabelecer como uma terapia comprovada.

De acordo com a dermatologista Daniela Graff, o tratamento ainda é um método experimental na dermatologia e ainda é muito cedo para saber se é um procedimento eficaz e seguro.”Experimentos com células-tronco – tanto embrionárias quanto adultas – ainda estão longe de chegar ao consultório médico como terapias estabelecidas”, afirma a médica.

A dermatologista Daniela Graff esclarece que os cremes que prometem ativar células tronco e promovem  o rejuvenescimento facial são falsas promessas e não há comprovação científica alguma.
A médica alerta que é necessário ter muita cautela ao procurar esse tipo de tratamento, já que não se sabe os riscos desse procedimento.

 

Publicidade

Facebook

Anuncie aqui

Seu anúncio aqui!
Produtos, serviços e clínicas. Anuncie na sua especialidade. Confira!

Enquete

Falhas de memória são comuns, mas alguns sinais mostram se isso pode ou não ser um problema. Você se preocupa quando nota que esqueceu algo?
 

Quem está Online

Nós temos 27 visitantes online