Atraso de linguagem

Dom, 15 de Fevereiro de 2009 12:35
Imprimir
É um atraso no aparecimento da fala ou seja; na emissão das palavras, na expressão do pensamento ou da vontade da criança. 

É considerado atraso de linguagem o de crianças que até 1 ano e meio não dizem palavras isoladas ou que aos 2 anos não formam frases. 

Deve-se pesquisar as causas que podem variar desde: 
-uma superproteção exagerada (quando os pais adiantam e advinham a vontade da criança e ela não sente necessidade de falar); 
- falta de estímulos adequados; meio socio-afetivo-cultural desfavorável; 
-atraso psicomotor; 
-perda auditiva parcial ou total 
-problema neurológico 

O TRATAMENTO Deve-se verificar o nível de linguagem em relação ao esperado para sua idade e escolaridade. 

Faz-se inicialmente uma pesquisa minuciosa para identificar as causas do atraso da linguagem.
 
Orientação à família, que deve PARTICIPAR ATIVAMENTE do tratamento 

Há necessidade de estimular e treinar a criança principalmente as áreas perceptivas auditiva e visual além da área motora. 

A musculatura oral e facial também são treinadas, favorecendo e propiciando a articulaçãodas palavras. 

Heloísa Miguens de Araújo é FONOAUDIÓLOGA formada em 1978 pelo Instituto Cultural Henry Dunant – RJ - Crfa. 0707 - Pós Graduada em FONOAUDIOLOGIA CLÍNICA pela UNESA - RJ Pós Graduada em NEUROFISIOLOGIA pelo IBMR-RJ Master Practitioner em PROGRAMAÇÃO NEUROLINGUÍSTICA pelo INAp Habilitada e Certificada pela FUNDAÇÃO LEE SILVERMAN para tratamento da voz.